Coworking é a solução para várias áreas

Os baixos custos e a possibilidade de fazer networking são pontos incentivadores para a adesão ao Coworking. Em várias áreas de atuação, ele pode ser uma excelente opção.

Embora profissionais liberais ainda tenham tendência a alugar uma sala e montar seu negócio em um espaço físico, cresce cada vez mais o número de advogados, engenheiros, profissionais de comunicação e TI, arquitetos, designers, entre muitos outros, que optaram por não ter um espaço exclusivo de atendimento e que não querem abrir a porta de casa para seus clientes, para não “misturar as estações”.

Estes profissionais têm a facilidade de poder realizar seu trabalho basicamente em qualquer lugar que tenha uma infraestrutura mínima, como internet, telefone fixo, computador, etc. Por isso, a solução do serviço de Coworking passou a ser a ideal neste tipo de arranjo de trabalho.

O Coworking nada mais é do que um escritório compartilhado por profissionais de várias áreas, em um espaço com salas privativas, sala de reunião e eventos, mas também de espaços comuns, etc. O profissional contrata alguns ou todos os benefícios, além do básico que se resume em aluguel, luz, água, internet, telefonia, manutenção do espaço, proporcional à utilização.

Quando o Coworking surgiu, a ideia era ter um espaço colaborativo que envolvesse profissionais de várias áreas em um mesmo endereço, todos amigos. A ideia foi crescendo e sendo aprimorada e, hoje, o Coworking acontece sem que os profissionais se conheçam previamente, mas o serviço permite a interação, o que mantém o espírito de colaboração de quando foi criado.